terça-feira, 29 de outubro de 2013

Rapper Prodigy abre o Jogo sobre Jay-Z e sociedade oculta na música americana

0 bereianos

Rapper Prodigy abre o Jogo sobre Jay-Z e Illuminati
via: http://danizudo.blogspot.com.br

Prodigy, nome artístico de Albert Johnson, (2 de novembro de 1974 em Long Island, Nova York) é um rapper americano membro e fundador do grupo de hip-hop Mobb Deep, juntamente com o rapper Havoc. Enquanto esteve na prisão em 2008, ele escreveu uma carta falando de Illuminati, Jay-Z e outras circunstâncias na indústria da música. Abaixo, encontra-se sua carta (escrita à mão) com a tradução de alguns trechos mais importantes.


"O momento exato quando descobri que o planeta inteiro estava sendo enganado e posto sobre um encanto para nos manter inconscientes disse foi em 1996. Por volta daquele tempo, Biggie foi preso por porte de arma e saiu nos jornais com algemas e sendo levado por 2 ou 3 policiais. Ele tinha uma blusa com uma grande letra "B" na frente. Foi naquele dia que estava lendo  um dos livros de Dr. Malichi Z. York (não me lembro qual). Acho que era "Leviathan 666". Eu terminei o livro e comecei a chorar por toda a humanidade, mas especialmente pelo povo negro, porque percebi que tudo era falso. O governo, religiões, políticas, o sistema de reserva federal, sistema de coleta de imposto e tudo que acreditamos e vivemos é uma mentira."


"Dr. York foi pego pelo FBI e Illuminati e estava cumprindo 135 anos em uma prisão federal"


"Jay-Z sabe da verdade, mas escolheu ficar com o mal para ser aceito no mundo corrupto. Jay-Z esconde a verdade da comunidade negra e do mundo e promove o estilo da besta ao invés. Estou disponibilizando informações preciosas, se vocês fizerem uma pesquisa, verão."

"Jay-Z é um mentiroso. Tenho tanto fogo em meu coração que atacarei sem parar Jay-Z, Illuminati e todo tipo de mal que existe até que minha luz seja apagada, o que é quase impossível, pois meu poder nas ruas é incrível. Eu tenho medo de nada e de ninguém. Não tenho medo porque a verdade me libertou dos Illuminati, da escravidão mental e agora fui fortalecido por Deus e pelo Universo."


"Passei por sérias guerras espirituais com a energia do mal que já existiu em meu corpo. Levou de 1996 a 2008 para derrotar o mal que aprisionava minha alma durante todos esses anos. Algumas pessoas fazem isso mais rápido..."

"Esse mal que estou falando é uma real entidade viva que nos usa como comida. Nós devemos dividir laços com ela para enxergar as coisas como elas realmente são. Essa energia negativa é criada e controlada pelo governo secreto Illuminati, que farão você espalhar essa energia sem que ao menos saiba. Mas pessoas como Jay-Z sabem disso. Ele aprendou com Dr. York. Então, se você sabe disso e mesmo assim espalha, o que isso diz de você? Quem você representa?"

"Eu não estou dizendo essas coisas sobre Jay-Z porque tivemos um rolo..."

"Jay-Z não é o único rapper "consciente" que está do lado do mal, mas é o mais influente..."

"Liberte Dr. York, liberte Prodigy, liberte suas mentes."


Em março de 2011, depois de passar 3 anos na cadeia por porte ilegal de arma, Prodigy é solto e vai direto para o estúdio para lançar um novo trabalho.


"Truque de Mestre": Um Filme Sobre a Indústria do Entretenimento Illuminati?

0 bereianos

, , , , , , ,

"Truque de Mestre": Um Filme Sobre a Indústria do Entretenimento Illuminati?

sábado, 28 de setembro de 2013 Leave a Comment
"Truque de Mestre" fala sobre grandes mágicos fazendo truques de mágica incríveis... e algum tipo de assalto a banco. Mas, principalmente, "Truque de Mestre" é sobre uma organização sombria chamada "Olho", que controla esses artistas. Enquanto a maioria dos telespectadores estão atordoados com a ação sem sentido do filme, uma mensagem importante está sendo comunicada: A elite oculta controla a indústria do entretenimento... Você consegue enxergar isso?

 Aviso: spoilers gigantescos pela frente! 

A maioria dos críticos tiveram a mesma reclamação sobre "Truque de Mestre": A história faz absolutamente nenhum sentido e é completamente ilógica. Eu concordo plenamente com eles. Quase tudo o que acontece durante todo o filme é implausível. Mesmo o alucinante e abrangente "plano mestre" do filme, na verdade, depende de tantas variáveis que poderiam dar errado que é, de fato, um plano horrível.

Embora a maioria dos telespectadores vá tentar fazer sentido do filme "Truque de Mestre", ele simplesmente fica repetindo para os telespectadores "Quanto mais perto você olha, menos você verá". Ele também repete constantemente que os mágicos sempre fazem algo para distrair o público enquanto a verdadeira mágica acontece em outros lugares. Isso se aplica no próprio filme? Claro que sim. A perseguição policial, o enredo do assalto ao banco e as explosões estão lá para manter os olhos dos espectadores ocupados enquanto a história real e subjacente se desdobra: é sobre a indústria do entretenimento, as forças que a governam e aqueles que são usados por ela. É também sobre o público, as massas que estão sendo enganadas por mestres ilusionistas. As primeiras falas do filme dizem tudo:


"Vem para perto. Mais perto. Porque quanto mais você pensa que vê, mais fácil será para enganá-lo. Porque o que você está vendo? Você está olhando, mas o que você está fazendo realmente é a filtragem, interpretação, procurando significado. O meu trabalho? Tirar o maior presente que você me dá, sua atenção, e usá-la contra você."
 

Essa fala, enquanto um truque de cartas está sendo realizado, resume o verdadeiro papel dos meios de comunicação e da indústria do entretenimento. O resto do filme descreve apropriadamente quem governa a indústria e até mesmo os métodos que ela utiliza. Os mágicos são recrutados por uma sociedade secreta chamada "Olho" (isso pode fazer soar um sino para os leitores deste site), que utiliza os artistas para promover a sua agenda e fazer o seu simbolismo uma parte da cultura popular. Dê um passo para trás e perceba o seguinte: O filme É o mágico. Vamos dar uma olhada no tema de "Truque de Mestre".

Abordados

De primeira, vemos os quatro mágicos fazendo seus próprios truques separadamente. Eles estão tentando ganhar a vida fazendo seus truques de mágica. No entanto, estão longe de serem grandes celebridades. Eles são observados e seguidos por uma figura encapuzada que deixa um convite na forma de uma carta de tarô. Na parte de trás da carta está o símbolo do olho que tudo vê com informações do convite.

 Neste print em particular, a carta é mantida acima de uma foto de um dos 
mágicos escondendo um de seus olhos - dando a entender que ele está prestes a ser 
parte da indústria do entretenimento da elite oculta. O fato de que um olho está 
sendo substituído pelo olho que tudo vê também implica que ele está
 prestes a perder boa parte da visão...e da liberdade.

Os quatro mágicos são selecionados porque eles se destacam em seu campo particular de mágica e, principalmente, porque às vezes eles parecem estar usando a mágica oculta real.

Da esquerda para a direita: Henley Reeves é um escapista (carta de tarô 
da alta Sacerdotisa), Daniel J. Atlas é um ilusionista (carta dos amantes);
 Merritt McKinney é um mentalista (carta do Eremita); Jack Wilder
 é um ilusionista de dedos rápidos (carta da morte).

  Jack Wilder, o mais jovem da tripulação recebeu a carta da 
Morte por uma razão: ela antecipa seu próximo sacrifício ritual. 

Os mágicos são convidados a um apartamento estranho com engenhocas estranhas nele. Depois de descobrirem os enigmas que foram colocados lá (um processo de iniciação), eles veem os planos da elite estabelecidos por eles. Então, num passe de mágica, tornam-se grandes artistas.

Fantoches de Seus Patrões

Depois de entrar para o "Olho", os mágicos estão em Las Vegas, rodeados por uma multidão barulhenta, enquanto ouvimos uma música de fundo que basicamente grita "Isto é showbiz, baby!". Os quatro mágicos, que faziam truques independentes e solo, já se juntaram a um grupo para se tornarem os Quatro Cavaleiros. Esse nome é retirado do Livro do Apocalipse da Bíblia, onde os Quatro Cavaleiros são arautos do Apocalipse e das tribulações que vêm com ele. Os Quatro Cavaleiros do Apocalipse são frequentemente ditos estarem associados com peste, guerra, fome e morte. Este é um nome bastante sombrio para um bando de mágicos, mas faz sentido quando sabemos que eles estão trabalhando para a elite oculta. O livro do Apocalipse é de grande importância nas sociedades secretas, visto que se acredita esconder um significado oculto para ser decifrado apenas pelos iniciados. Um monte de seu simbolismo deriva dali e este não é exceção.

Não ao contrário de artistas "reais" da indústria do entretenimento, os Quatro Cavaleiros estão lá apenas para obedecer às ordens provenientes da "Olho". Tudo sobre eles relaciona-se com a sociedade secreta que os controla.

 Este palco em que os quatro Cavaleiros se apresentam 
é um olho gigante. Este é um modelo do palco. 

  O logotipo dos Quatro Cavaleiros é bastante enigmático.

 Em uma cena, no entanto, vemos uma decoração estranha que diz "Olho". 
Parece consistir de uma combinação de duas versões 3D do logotipo dos
 cavaleiros. Em suma, o logotipo é uma outra maneira de esconder o 
simbolismo oculto na "cara dura".

  Quando o grupo completa seu truque de mágica mais espetacular, o símbolo 
do olho aparece na Times Square. Enquanto a maioria das pessoas acreditam que 
o olho é um mito, seu simbolismo está em toda parte... assim como na vida real.

Tudo a respeito dos Quatro Cavaleiros é, portanto, carimbado com o selo do olho.

É interessante notar que as pessoas por trás do filme não criam um símbolo fictício para representar a sociedade secreta. Eles usaram o símbolo mais importante da elite oculta de hoje - um dos símbolos mais importantes de várias sociedades secretas poderosas . Como vemos muitas vezes neste site, este símbolo também já é usado em todo mídia de massa. Por que isso? Será que é porque o filme faz o papel dos Quatro Cavaleiros - um veículo para o simbolismo da elite oculta?

A Olho - Baseado na Sociedade Secreta Real que Governa Hollywood? 

À medida que o filme avança, descobrimos algumas informações sobre a "Olho" e sua história. Tudo sobre ela se assemelha a uma sociedade secreta real que é poderosa em Hollywood: a OTO, uma auto-intitulada "Ordem  mágika".

No filme, a "Olho" é:


 "Guardiões da magia real e protetores de quem a pratica. Candidatos à iniciação devem seguir uma série de comandos por meio da obediência cega".
 

É claramente afirmado que o símbolo da Olho origina-se do símbolo egípcio antigo do Olho de Hórus.

  Durante o filme, um documentário sobre a Olho mostra a sua origem oculta.

  Essa é uma página do bloco de notas do pesquisador que investiga os Quatro 
Cavaleiros. O Olho de Hórus é um dos símbolos mais importantes da Maçonaria,
 da OTO e dos Illuminati. A utilização deste símbolo neste filme não foi aleatória. 

As características da Olho se assemelham a OTO.

 A OTO é baseado na Thelema de Aleister Crowley - uma filosofia que foi "comunicada" para ele, enquanto dentro de uma pirâmide egípcia. Como a "Olho", a OTO se concentra principalmente na mágica "real" e sua aplicação quase científica. Crowley acrescentou a letra "k" no fim da palavra mágica (em inglês magick) para se distinguir da mágica de palco. Portanto, como a "Olho", a OTO se considera "guardiões da verdadeira mágica".

O símbolo do Olho de Hórus é de extrema importância para a OTO, porque a OTO quer trazer o Aeon de Hórus - uma era governada pela Thelema. É surpreendente ver que, neste Aeon de Hórus, a mídia de massa está literalmente inundada com o símbolo do Olho de Hórus?

  No filme, um dos livros usados para pesquisar o
 olho é chamado de "Os Guardiões de Hórus ". 

  O layout de sua capa se assemelha 
a capa de livros reais da OTO, com
 bordas retangulares e um título dourado 
embutido e letras maiúsculas. 

Assim como a "Olho", a OTO exerce uma grande influência em Hollywood. Uma de suas declarações de missão é trazer a Thelema e o Aeon de Hórus para as massas. Qual a melhor ferramenta de comunicação de massa para fazer isso?

Por dentro da Indústria

Enquanto testemunhamos os Quatro Cavaleiros ascendendo à fama, também vemos como funciona a indústria de entretenimento. Por exemplo, há algumas alusões ao uso do controle mental em várias pessoas.

  Este "membro supostamente escolhido aleatoriamente do público"
 para um truque de mágica é na verdade um escravo de controle mental. 

Thaddeus  (o cara que tenta desmascarar os Cavaleiros da "Olho") descreve como esse cara acabou no palco:


"Ele foi selecionado. Programaram a sua mente para fazê-lo ir para Las Vegas. E então eles continuaram reforçando isso até ele ir. Eles o arrastaram. Eles o estudaram. Nada foi deixado ao acaso. Ele não tinha ideia de que era o alvo. E eles simplesmente o ativaram em Las Vegas."
 


 Este agente da FBI (interpretado por Common) começa a tocar um violino no ar 
depois que ele ouve a palavra "merda". Nós aprendemos mais tarde que ele foi 
programado pelos mágicos e que a palavra  "merda" (bullshit) é um gatilho 
para fazê-lo tocar violino no ar. Esta é uma maneira de deixar-nos saber
 que os aplicadores da lei também podem ser programados pela elite.

Outro aspecto fundamental da indústria Illuminati é o uso de sacrifícios ritualísticos a fim de trazer a transformação. O ilusionista Jack Wilder recebeu a carta de tarô da Morte no início do filme, porque ele foi escolhido para o sacrifício ritualístico.

 Jack, um dos Quatro Cavaleiros, morre (mais ou menos) em um
acidente de carro - um evento que é transmitido ao vivo na TV. 

O evento provoca choque e traz solidariedade para os mágicos apoiados pela elite. Mais tarde descobrimos que o acidente de carro foi um armação e que Jack ainda está vivo - mas o público não sabe disso. O evento é um exemplo de um ritual de sacrifício feito em larga escala pela elite oculta. Foi também uma diversão.

O filme também mostra o que acontece com aqueles que saem das "boas graças" da elite. Thaddeus, o ex-mágico, agora faz sua carreira criando DVD "desmascarando" mágicos. Quando ele vai contra os Cavaleiros apoiados pela elite, as coisas não terminam bem para ele.

  Thaddeus é pego pela "Olho" e jogado na cadeia. 

Ao perguntar ao policial (que passa a ser parte da "Olho") por que isso está acontecendo com ele, aqui está a resposta:


 "A lenda é que a Olho está em toda parte. Esperando os verdadeiros grandes mágicos se distinguirem dos medíocres. Talvez fosse você. Lá no fundo você não queria nada mais do que ser parte da Olho, mas você nunca foi convidado."
 

 Enganados? 

À medida que o filme avança, torna-se óbvio que os membros dos Quatro Cavaleiros não têm ideia do que está realmente acontecendo. Assim como os artistas reais na indústria, eles são meros fantoches que tentam cumprir as tarefas que lhes são dadas. Eles, porém, sabem que uma coisa é certa: eles querem desesperadamente ser parte da "Olho".

Assim que completam toda a sua missão, os Cavaleiros se encontram no Central Park.

  Os mágicos são recebidos por Dylan Rhodes, o agente do FBI que estava 
tentando prendê-los durante todo o filme...*tosse*...Embora essa reviravolta 
na história faça nenhum sentido, ela transmite o significado de que a
 "Olho" controla a mídia de massa e os aplicadores da lei . 

Rhodes diz aos mágicos "Bem-vindos a Olho" e os leva a um carrossel. Os mágicos montam em um cavalinho e começam a girar. Isso nos leva a pensar: foram os mágicos levados para um passeio literal durante o tempo todo? Será que a Olho existe mesmo?

A julgar pela magnitude dos esquemas que os Cavaleiros estiveram envolvidos, não há dúvida de que havia uma entidade muito poderosa por trás deles. No entanto, como na vida real, os forasteiros nunca podem ser parte do "círculo interior". Embora os Cavaleiros tenham feito tudo o que foi pedido por eles, eles nunca vão fazer parte da elite. Esse fato é reforçado numa cena semi-oculta na parte final do filme.

Poucos minutos após os créditos terminarem de ser mostrados, há uma cena que eu tenho certeza que muitas pessoas perderam. Ela mostra o destino final de artistas utilizados pela elite oculta.

  Os Cavaleiros são instruídos a irem para um lugar no deserto onde
 antigos sinais de Las Vegas estão jogados lá. Este cemitério representa
 nada mais nada menos que suas próprias carreiras. 

 Eles, então, vão buscar o equipamento para seu novo show de mágica.

 Os mágicos percebem que as caixas estampadas com o símbolo da Olho estão
 bloqueadas. Os Cavaleiros não tem mais acesso a privilégios relacionados a Olho.

Pensando que talvez suas cartas de tarô mágicas poderiam ser capazes de desbloquear as caixas, os mágicos olham em seus bolsos...e suas cartas de tarô sumiram. A Olho não precisa desses artistas mais então seus passes foram revogados. Eles foram usados e agora jogados fora no deserto entre os sinais de neon descartados.

Então, para responder a perguntas que muitos me perguntam: Você acha que artistas como Jay-Z, na verdade, são parte dos Illuminati? Aí está sua resposta.

A Visão Geral

Durante todo o filme, os investigadores se perguntam "Por que eles passam por todo esse problema?" Por que os mágicos e, por extensão, a Olho, constroem esses esquemas elaborados? Não faz nenhum sentido. E, para muitos espectadores, o filme não faz sentido. A maior parte da ação é baseada em torno de policiais idiotas correndo, apontando suas armas, tentando pegar mágicos presunçosos. No entanto, por trás das cenas de ação e da música alta, há uma mensagem lá. O filme em si diz repetidamente aos telespectadores: "Quanto mais perto você olha, menos você vê". Quanto mais perto você tentar entender e dar sentido à ação acontecendo na tela, menos você vai obter a "visão geral".

"Truque de Mestre" definitivamente não é sobre um assalto a banco. É sobre a "mágica" da indústria do entretenimento. Crowley definiu a mágicka como "a ciência e a arte de provocar mudança de ocorrência em conformidade com a Vontade". O objetivo da indústria do entretenimento é fazer a mudança. Mas essa mudança leva tempo... anos, décadas e gerações. O filme descreve o processo de um jeito muito metafórico.

O agente da Interpol pesquisando a Olho descreve o mais famoso truque de um mágico chamado Lionel Shrike.


 "Quando ele tinha 14 anos, ele viu um buraco em uma árvore no Central Park. Tinha um cara que trabalhava no carrossel e assinou uma carta, o que parecia ser um pequeno truque de rotina. Na aposentadoria do rapaz, 18 anos mais tarde, Shrike faz a performance, faz o cara assinar uma carta e pronto! A carta está na árvore. Ficou na árvore por 18 anos. 

O truque não era para olhar de perto. Era para ser olhado de tão longe que você o veria 20 anos atrás."
 

 Após os Cavaleiros concluírem todas as suas tarefas, eles foram convidados 
a reunir-se na árvore de Shrike porque ela representa o significado da 
Olho. Assim como a carta dentro da árvore mágica, a "mágica"
 transformadora é para ser ter visão geral a longo prazo.

 Em um ponto, Tadeu diz:


 "Este é um truque de magia feito em escala global. E você é o abracadabra, a distração."
 

Enquanto os telespectadores estão hipnotizados com explosões e perseguições de carro, eles estão perdendo a verdadeira mágica: A elite está transformando a sociedade para atender as suas necessidades através de mídia de massa.

 A maior parte da "mágica" que vemos durante o filme é CGI (Imagens geradas 
por computador). A indústria do entretenimento é o verdadeiro mestre da ilusão. 

O filme termina com uma chamada dos Illuminati para o público, deixando que eles saibam que eles são os únicos a serem enganados pelos mágicos reais.


"Vem para perto. Mais perto. Porque agora você sabe o nosso segredo. Poderíamos estar em qualquer lugar. Observando você. Estamos à procura de alguém para nos ajudar com o nosso próximo truque. Vou contar até três, abra os olhos e me diga o que você vê. Um. Dois..."
 

 [A tela escurece]

Conclusão

Embora não haja absolutamente nada "realista" sobre "Truque de Mestre", ele descreve bem o que realmente acontece na indústria do entretenimento. Os mágicos do filme representam os vários artistas e intérpretes que são recrutados pela elite para fazer avançar a sua agenda. A Olho é baseada em sociedades secretas reais que exercem influência em Hollywood. Enquanto esses fatos podem ser cristalinos para alguns, a maioria dos espectadores provavelmente perdem essas mensagens enquanto tentam entender que diabos está acontecendo.

Na verdade, durante todo o tempo, o filme meio que dá risada da plateia. Em determinado momento, um membro dos Cavaleiros diz: " O mágico deve ser a pessoa mais inteligente na sala". O filme é tão Hollywood que é quase uma paródia do mesmo. Está quase dizendo aos telespectadores: "Olhe para as coisas idiotas que você está consumindo para se divertir". Mas, por trás de tudo, há uma mensagem poderosa que vem direto da Olho. Ou você o vê... ou não.

sábado, 19 de outubro de 2013

Os balões da nossa vida

0 bereianos
Nos cruzamos com várias pessoas ao longo da nossa vida e algumas delas acabam deixando marcas profundas em nós.

E se as guardássemos que nem balões, preenchidos com memórias? Se elas andassem conosco pra todo o lado? Pra refletir sobre relacionamentos, vale a pena ver este curta.

A vida que vale a pena ser vivida

0 bereianos
Tire um pequeno tempo para ver essa entrevista. Vale a pena!!

A VIDA QUE VALE A PENA SER VIVIDA
- Clóvis de Barros Filho


Professor Clóvis no Programa do Jô
from Espaço Ética

Portal tem vídeos de 60 segundos com aulas para empreendedores

0 bereianos
Com vídeos de um minuto, o site MBA60 dá rápidas aulas e dicas sobre Administração, Carreira, Empreendedorismo, Franchising, Marketing e Sustentabilidade para empreendedores. 

O site disponibiliza séries de pequenos vídeos feitos com profissionais consagrados e com forte formação acadêmica.

Com temas como "Fique de olho nos nichos do mercado"e "Mais tecnologia e menos indústria", o portal tem como objetivo "alimentar mentes inquietas". Todo o conteúdo é gratuito e de livre acesso.

Veja vídeo sobre o MBA60:





Africano cria impressora 3D com peças de lixo eletrônico

0 bereianos

Kodjo Afate Gnikou usou computadores, impressoras e scanners encontrados num lixão (e mais US$100) para fazer sua impressora 3D

Na cidade de Lomé, capital do país africano Togo, funciona um maker space - uma oficina de inovação e produção em que inventores e projetistas se reúnem para tornar reais as idéias que lhes vêm à cabeça. O produto mais recente do local, criado por Kodjo Afate Gnikou é uma impressora 3D feita com lixo eletrônico barato.

divulgação ulule
divulgação ulule
O dinheiro para a realização do projeto foi conseguido com uma campanha de crowdfunding na plataforma Ulule.
O protótipo foi construído com US$100. Ele se chama W.Afate e é uma réplica caseira da Prusal Mendel, uma impressora popular nos Estados Unidos e na Europa. Para fazê-la, Afate teve que comprar algumas peças novas, mas a maioria dos componentes vieram de computadores, impressoras e scanners encontrados nos lixões da cidade.

A África tem um enorme problema de lixo eletrônico. A cada mês, centenas de toneladas de computadores e equipamentos industriais descartados acabam lixões e peças boas que poderiam ser reaproveitadas se misturam com componentes e materiais tóxicos. A intenção de Afate é chamar a atenção para a produção exagerada e o mau reaproveitamento desses resíduos.

O vídeo abaixo, em inglês, conta um pouco mais sobre o invento.


O amor me mantém

0 bereianos
Os amigos me mantêm vivo.
Os inimigos me mantêm ativo.
O amor me mantém.
 
 

Sinais externos da religião

0 bereianos



- Extraído do livro: O livro mais mal-humorado da bíblia, de Ed René Kivitz.

As Aventuras de Pi #chegouperto

0 bereianos

This is black style, bebê!! :P

0 bereianos

Negrita ensinando a galera a dançar!!! ahahahahahahah


Ser cristão é...

0 bereianos
"Ser cristão é seguir o Caminho de Jesus. Qdo a igreja dificulta ou impede esse caminhar, melhor ser fiel a Jesus e seu Caminho." - @jungmosung

Black Blocs

0 bereianos
" Quem disse que aterrorizar bancos não dá futuro? Dilma começou como parte de um grupo de Black Blocs e hoje é presidente." - Ariovaldo Carlos Jr.

Vingança moderna

0 bereianos
"Já passou o tempo em que a vingança era um prato para ser comido frio, hoje se come on-line." - Nelson Motta #Frase

quinta-feira, 17 de outubro de 2013

O BRASIL E O ENSAIO SOBRE A CEGUEIRA

0 bereianos
O BRASIL E O ENSAIO SOBRE A CEGUEIRA
por Juliana Ayres



Acho o povo brasileiro engraçado. Estão fazendo o maior furdunço por causa da campanha do dia das crianças da Courofino mas vemos poucos protestarem pq elas dançam e cantam músicas sertanejas e funks pornográficos ou de duplo sentido; ou pq assistem novelas e programas como Pânico na TV; ou pq imitam a Miley Cyrus, a Rihanna, a Beyoncé, pelo contrário, vemos até gente defendendo e falando que é criança, que não tem malícia.

É, são crianças. Crianças cada vez mais sexualizadas, cada vez mais maliciosas, cada vez menos inocentes e tudo isso com permissão da maioria que sempre acha que ser contra tudo isso citado acima é ser quadrado, tradicional, fanático religioso entre outras coisas mais.

Mas o que esperar de uma geração de crianças que dançaram muito na boquinha da garrafa ou que dançaram e cantaram alegremente Mamonas Assassinas? Mas tudo com muita inocência, claro.

Somos um povo de maioria hipócrita. Nós estamos perdendo o senso do que é a verdadeira liberdade. Nosso povo está moralmente, eticamente e espiritualmente cada vez mais longe do que Deus deixou para nós como bom e agradável. E é preciso coragem para reconhecer isso.

Estamos num crescente ensaio sobre a cegueira. É difícil manter a visão no meio dessa escuridão toda(dinheiro, poder, ganância, desejo, soberba, egoísmo, corrupção, indiferença etc.), só quem luta contra sabe como dói ver e como é cansativo remar contra a maré.

Estamos dando lugar a um Brasil imundo e bárbaro. Mas por que estamos cegos? Em Deus se conhece a razão. Muitos reconhecem isso e estão com remorso, mas, se quisermos mudança, devemos jogar fora o remorso e vestirmos o arrependimento, pois é desta veste que vem a mudança, principalmente a de caráter.

Estamos em uma cegueira que contagia e contamina. Somos cegos guiando outros cegos e é preciso coragem para reconhecer isso.

"Quer que eu te diga o que penso? Diz. Penso que não cegamos, penso que estamos cegos, Cegos que veem, Cegos que, vendo, não veem"

Que Deus abençoe a nossa nação.



- face: @jullianaayres | twitter: @julianaayres

** OBS: Quem quiser ver algumas imagens da campanha da Courofino, clique aqui:
http://www.designdepressao.com.br/page/qual-o-limite-do-bom-senso-a-courofino-
nao-faz-ideia-/483

sexta-feira, 4 de outubro de 2013

OS SINAIS PERIGOSOS QUE MILEY CYRUS MANDA PARA NOSSAS JOVENS

0 bereianos
Cantora Sinead O´Connor manda recado para Miley Cyrus

por 
http://juliapetit.com.br


Mais cedo te mostramos que a mãe da Miley Cyrus disse estar bem ao lado dela. E ela ainda disse que é a pessoa que mais se preocupa com a filha no mundo. Mas, além de nós, mais gente duvida dessa afirmação, inclusive Sinead O'Connor, que escreveu um recado gigante à cantora.
Tudo começou depois de Miley dizer para a Rolling Stone que se inspirou no clipe de "Nothing Compares To You" para gravar "Wrecking Ball". A imprensa então caiu matando em cima de Sinead, para que ela desse o seu parecer. E ela, finalmente, disse:
"Eu não ia escrever essa carta, mas hoje recebi telefonemas de vários jornais que me pediram para comentar sobre a entrevista que você deu a Rolling Stone falando que o clipe de "Wrecking Ball" foi feito para se parecer com o de "Nothing Compares do You"… então aqui vai o que preciso dizer… e digo com o espirito de uma mãe e com amor.
Estou extremamente preocupada que aqueles ao seu redor te fizeram acreditar, ou encorajaram sua crença, de que é legal ficar pelada e lamber marretas no seu vídeo. Isso é, na verdade, o motivo pelo qual você vai esconder o seu talento.
Nada além de danos vão chegar até você nessa jornada se você se permitir ser explorada, e não é assim que você vai provar sua força ou a de qualquer mulher jovem, mandando a mensagem de que você prefere ser valorizada (até por você mesma) mais pelo apelo sexual do que pelos seus talentos óbvios.
Fico feliz em saber que, de alguma maneira, eu sou um modelo para você, e espero que por conta disso você vá prestar atenção ao que estou falando.
O mercado musical não liga a mínima para você. Eles vão te prostituir e te fazer pensar que foi o que você quis… e quando você terminar na reabilitação por ter sido prostituída, eles vão estar pegando sol num iate em Antigua, o qual compraram vendendo seu corpo, e você vai se sentir muito só.
Nenhum desses homens que te exploram ligam para você, não se engane. Muitas mulheres confundiram desejo com amor. Se eles te querem sexualmente isso não significa que se importam. E isso se torna mais verdade ainda quando você involuntariamente dá a impressão de que não se importa consigo mesma (…) ninguém que se importa com você iria apoiar essa prostituição… e isso inclui você mesma.
Sim, estou sugerindo que você não se dá o valor. E isso tem de mudar.
Você deve ser protegida como uma menina preciosa por qualquer pessoa que você emprega. É um mundo perigoso. Nós nao encorajamos nossas filhas a andar pelada nele.
Você vale mais do que seu corpo e seu apelo sexy. O mundo do showbizz não vê as coisas dessa maneira (…) Seu poder real como uma jovem mulher seria, no futuro, recusar explorar seu corpo ou sua sexualidade para que homens façam dinheiro às suas custas. E isso está mandando sinais perigosos para outras meninas. Por favor, no futuro, diga não quando pedirem para você se prostituir. Seu corpo é para você e para o seu namorado. Não é para qualquer pervertido na internet, ou para qualquer gravadora gananciosa comprar diamantes para suas amantes.
Quanto à queda da Hannah Montana… quem estiver te falando que ficar pelada é a maneira certa, é porque não respeita o seu talento, ou você. Seus discos são bons o suficiente para que você não precise se livrar da Hannah Montana. Ela já está muuuuuuito longe agora… não porque você ficou pelada, mas porque você faz boas músicas.
Quer você goste ou não, nós, mulheres da indústria, somos modelos e por isso temos de ser extremamente cuidadosas com as mensagens que passamos às outras mulheres. A mensagem que você continua mandando é a de que é legal ser protituída… isso não é legal mesmo, Miley… é perigoso. As mulheres precisam ser valorizadas por muito mais que a sexualidade, não somos meros objetos de desejo. Eu te encorajo a mandar mensagens mais saudáveis às suas iguais… mensagens de que elas e você valem muito mais que isso. Gentilmente despeça qualquer desgraçado que não se preocupe com isso, porque eles não se importam com você."
À carta imensa, Miley respondeu: "E antes de Amanda Bynes… houve…" e um print com os tuítes de Sinead.

Novos escritores

0 bereianos

Você gosta de escrever mas te falta a oportunidade de mostrar o teu trabalho para um nome forte do mercado editorial? Pois a Fnac, que já lançou concursos para encontrar novos talentos na fotografia, música e ilustração, agora está procurando novatos da literatura. Animou?

Por meio do Prêmio Fnac Novos Talentos da Literatura, a livraria vai selecionar dez contos para fazer parte de um livro com lançamento marcado para abril de 2014. Quer participar? Tem de ter pelo menos 16 anos, morar no Brasil e nunca ter publicado nenhum conto. Além disso, cada candidato poderá mandar um só conto de tema livre. O formulário de inscrição e as regras de texto estão no blog da Fnac e os textos podem ser enviados até 31 de outubro. Já os vencedores serão divulgados pouco mais de um mês depois, em 04 de dezembro. Boa sorte!

Foto: Simone de Beauvoir, The Huffington Post
FONTE: http://juliapetit.com.br/viagem/novos-escritores




terça-feira, 1 de outubro de 2013

Igrejas bonitas que foram convertidos em edifícios seculares

0 bereianos
Triste realidade da Europa....

Igrejas bonitas que foram convertidos em edifícios seculares

O que acontece com as igrejas cujos moradores religiosa resta? Muitas vezes, eles se tornam um pouco mais secular. Aqui estão alguns dos afterlives arquitetônicos mais belos e surpreendentes para essas casas de culto.

Igreja de São Jakobus, por Zecc Architects, Utrecht, Holanda, 2007-2009

Igrejas bonitas que foram convertidos em edifícios secularesSEXPANDIR

Igrejas bonitas que foram convertidos em edifícios secularesSEXPANDIR

Igrejas bonitas que foram convertidos em edifícios secularesSEXPANDIR

Igrejas bonitas que foram convertidos em edifícios secularesSEXPANDIR

Igrejas bonitas que foram convertidos em edifícios secularesSEXPANDIR

(via ZECC)

A livraria Selexyz de um 700-year-old Igreja Dominicana, por Merkx + Girod Architects, Maastricht, Holanda, 2007

Igrejas bonitas que foram convertidos em edifícios secularesSEXPANDIR

Igrejas bonitas que foram convertidos em edifícios secularesSEXPANDIR

Igrejas bonitas que foram convertidos em edifícios secularesSEXPANDIR

Igrejas bonitas que foram convertidos em edifícios secularesSEXPANDIR

Igrejas bonitas que foram convertidos em edifícios secularesSEXPANDIR

Igrejas bonitas que foram convertidos em edifícios secularesSEXPANDIR

Igrejas bonitas que foram convertidos em edifícios secularesSEXPANDIR

(Via Merkx + Girod e OpenBuildings )

Bonney Avenue Residence a partir de um edifício de 1867, por Willis Greenhalgh Architects, Brisbane, Austrália

Igrejas bonitas que foram convertidos em edifícios secularesSEXPANDIR

Igrejas bonitas que foram convertidos em edifícios secularesSEXPANDIR

Igrejas bonitas que foram convertidos em edifícios secularesSEXPANDIR

Igrejas bonitas que foram convertidos em edifícios secularesSEXPANDIR

Igrejas bonitas que foram convertidos em edifícios secularesSEXPANDIR

(via WGArchitects)

A igreja gótica construída em 1909, com vista para Mission Dolores Park, San Francisco, California

Igrejas bonitas que foram convertidos em edifícios secularesSEXPANDIR

Igrejas bonitas que foram convertidos em edifícios secularesSEXPANDIR

Igrejas bonitas que foram convertidos em edifícios secularesSEXPANDIR

Igrejas bonitas que foram convertidos em edifícios secularesSEXPANDIR

(Via Decoist )

Conversão do século St. Igreja georgiano tarde 18 Nicholas, por Kyloe, Northumberland, Inglaterra

Igrejas bonitas que foram convertidos em edifícios seculares

Igrejas bonitas que foram convertidos em edifícios seculares

Igrejas bonitas que foram convertidos em edifícios seculares

Igrejas bonitas que foram convertidos em edifícios seculares

Igrejas bonitas que foram convertidos em edifícios secularesSEXPANDIR

(via Inhabitat and homedit)

Church of Living, Utrecht, Holanda, por Zecc Architecten, 2006-2007

Igrejas bonitas que foram convertidos em edifícios secularesSEXPANDIR

Igrejas bonitas que foram convertidos em edifícios secularesSEXPANDIR

Igrejas bonitas que foram convertidos em edifícios secularesSEXPANDIR

Igrejas bonitas que foram convertidos em edifícios secularesSEXPANDIR

Igrejas bonitas que foram convertidos em edifícios secularesSEXPANDIR

(via ZECC)

A antiga capela com a arte-deco decoração interior, mas com os vitrais originais, Suffolk, Reino Unido

Igrejas bonitas que foram convertidos em edifícios secularesSEXPANDIR

Igrejas bonitas que foram convertidos em edifícios secularesSEXPANDIR

Igrejas bonitas que foram convertidos em edifícios secularesSEXPANDIR

Igrejas bonitas que foram convertidos em edifícios secularesSEXPANDIR

(via LocationWorks)

A moderna Igreja St. Sebastian, construído em 1962, tornou-se um jardim de infância em 2009, por Bolles-Wilson, Münster, Alemanha

Igrejas bonitas que foram convertidos em edifícios secularesSEXPANDIR

Igrejas bonitas que foram convertidos em edifícios secularesSEXPANDIR

Igrejas bonitas que foram convertidos em edifícios secularesSEXPANDIR

Igrejas bonitas que foram convertidos em edifícios secularesSEXPANDIR

Igrejas bonitas que foram convertidos em edifícios secularesSEXPANDIR

(Via Bolles-Wilson )

O Brew Igreja trabalha, em uma igreja católica construída em 1878, Pittsburgh, Pensilvânia

Igrejas bonitas que foram convertidos em edifícios secularesSEXPANDIR

Igrejas bonitas que foram convertidos em edifícios secularesSEXPANDIR

Igrejas bonitas que foram convertidos em edifícios secularesSEXPANDIR

Igrejas bonitas que foram convertidos em edifícios secularesSEXPANDIR

(Via Igreja Brew Works Facebook e Igrejas convertidos )

O'Neill Muswell Hill, Londres, Reino Unido

Igrejas bonitas que foram convertidos em edifícios secularesSEXPANDIR

Igrejas bonitas que foram convertidos em edifícios secularesSEXPANDIR

Igrejas bonitas que foram convertidos em edifícios secularesSEXPANDIR

(Via Evan Munro , O'Neills Muswell Hill Facebook e Excel Inglês )

The Church Bar & Restaurant, Dublin, Irlanda

Igrejas bonitas que foram convertidos em edifícios seculares

Igrejas bonitas que foram convertidos em edifícios secularesSEXPANDIR

Igrejas bonitas que foram convertidos em edifícios secularesSEXPANDIR

Igrejas bonitas que foram convertidos em edifícios secularesSEXPANDIR

(Via A Igreja Facebook e A Igreja )

Duas casas tipo loft de a partir de uma capela do século 19 em Bazel, East Flanders, na Bélgica

Igrejas bonitas que foram convertidos em edifícios secularesSEXPANDIR

Igrejas bonitas que foram convertidos em edifícios secularesSEXPANDIR

Igrejas bonitas que foram convertidos em edifícios secularesSEXPANDIR

Igrejas bonitas que foram convertidos em edifícios secularesSEXPANDIR

(Via OWI )

John Knox Church, por William Boag Architects Pty Ltd, Brighton, Austrália, 2009

Igrejas bonitas que foram convertidos em edifícios secularesSEXPANDIR

Igrejas bonitas que foram convertidos em edifícios secularesSEXPANDIR

Igrejas bonitas que foram convertidos em edifícios secularesSEXPANDIR

Igrejas bonitas que foram convertidos em edifícios secularesSEXPANDIR

Igrejas bonitas que foram convertidos em edifícios secularesSEXPANDIR

Igrejas bonitas que foram convertidos em edifícios secularesSEXPANDIR

Igrejas bonitas que foram convertidos em edifícios secularesSEXPANDIR

(Via ArchDaily, fotos por Sonia Mangiapane )

Os Lofts igreja da abadia, com uma cobertura de quatro níveis na torre do sino, convertido a partir do Howard Park Igreja Metodista, Toronto, Ontário, Canadá, 2008

Igrejas bonitas que foram convertidos em edifícios secularesSEXPANDIR

Igrejas bonitas que foram convertidos em edifícios secularesSEXPANDIR

Igrejas bonitas que foram convertidos em edifícios secularesSEXPANDIR

Igrejas bonitas que foram convertidos em edifícios secularesSEXPANDIR

Igrejas bonitas que foram convertidos em edifícios secularesSEXPANDIR

Igrejas bonitas que foram convertidos em edifícios secularesSEXPANDIR

Igrejas bonitas que foram convertidos em edifícios secularesSEXPANDIR

(Seu Loftenberg )

Lofts Victoria, convertido a partir do turn-of-the-century Ocidente Toronto Igreja Presbiteriana, Toronto, Ontario, Canada

Igrejas bonitas que foram convertidos em edifícios secularesSEXPANDIR

Igrejas bonitas que foram convertidos em edifícios secularesSEXPANDIR

Igrejas bonitas que foram convertidos em edifícios secularesSEXPANDIR

(Via Monica Macmillan )

The St. Salvadores, agora uma casa de luxo, com banheira de folha de ouro quente, teto folha de platina e uma sala de cinema, Knightsbridge, Londres, 2004

Igrejas bonitas que foram convertidos em edifícios secularesSEXPANDIR

Igrejas bonitas que foram convertidos em edifícios secularesSEXPANDIR

Igrejas bonitas que foram convertidos em edifícios seculares

Igrejas bonitas que foram convertidos em edifícios secularesSEXPANDIR

Igrejas bonitas que foram convertidos em edifícios secularesSEXPANDIR

Igrejas bonitas que foram convertidos em edifícios secularesSEXPANDIR

(Via Wigan propriedade e Lewis Granaiola )

The Victorian Westbourne Grove Igreja, construída em 1953 em Londres

Igrejas bonitas que foram convertidos em edifícios secularesSEXPANDIR

Igrejas bonitas que foram convertidos em edifícios secularesSEXPANDIR

Igrejas bonitas que foram convertidos em edifícios secularesSEXPANDIR

Igrejas bonitas que foram convertidos em edifícios secularesSEXPANDIR

Igrejas bonitas que foram convertidos em edifícios secularesSEXPANDIR

Igrejas bonitas que foram convertidos em edifícios secularesSEXPANDIR

(Via abduzeedo )

A capela do século 19 com o órgão de origem do tubo de um púlpito, Bedfordshire, Reino Unido

Igrejas bonitas que foram convertidos em edifícios secularesSEXPANDIR

Igrejas bonitas que foram convertidos em edifícios secularesSEXPANDIR

Igrejas bonitas que foram convertidos em edifícios secularesSEXPANDIR

Igrejas bonitas que foram convertidos em edifícios secularesSEXPANDIR

Igrejas bonitas que foram convertidos em edifícios secularesSEXPANDIR

(via www.io9.com / Locationworks)