segunda-feira, 8 de novembro de 2010

Pr. Enoque Lima é liberado da prisão

Deus está ouvindo nossas orações, amados. Continuemos orando.


Pr. Enoque Lima é liberado da prisão

.

O Pastor Enoque foi liberado da prisão após ter sido constatado que o motivo da sua prisão na sexta-feira era ilegal e sem justa causa. A penalidade imputada ao fato era afiançável e da alçada do Juizado de Pequenas Causas Criminais.

No sábado ele já estava na casa de um amigo buscando refúgio em oração.

Segundo informações da localidade, a prisão foi motivada por uma representação policial de autoria do Bispo Manoel Ferreira, alegando entre outras coisas: uso de "imagem indevida de terceiros", afirmações caluniosas, injuriosas, difamatórias, sobre o caso conhecido como Reverendo Moon e Bispo Ferreira, caso que ficou famoso com os vídeos que são mostrados abaixo:

A prisão do Pr. Enoque foi originada após um suposto flagrante de cometimento do crime de pirataria, ou seja, tentaram criar uma situação onde o Pr. Enoque pudesse ser acusado de piratear o vídeo informativo sobre o caso do rev. Moon.

A situação tornou-se misteriosa quando um homem que se identificou como "pastor" pediu ao Pr. Enoque que copiasse em DVD o vídeo caseiro (que o próprio Pr. Enoque havia elaborado após pesquisas em sites públicos) sobre o caso Moon e fizesse algumas cópias gratuitas para alguns amigos cristãos. Logo em seguida, a polícia entra em cena e prende o pastor dizendo que ele estava fazendo pirataria, com fins comerciais, usando imagens de terceiros, etc.

Na prática, pode-se dizer que tentaram forjar um flagrante de crime, com a intermediação de outro "pastor", que foi utilizado como isca para pegar o Pr. Enoque.

Pelos fatos noticiados não se pode falar em crime de pirataria, pois tanto o rev. Moon quanto o Bispo Manoel Ferreira são homens públicos e o vídeo não tinha finalidade de venda comercial de DVDs. Além disso, não houve quebra de direitos autorais, pois as imagens foram capturadas de sites públicos, invalidando assim a acusação de "uso de imagem indevida".

O que aparenta estar por trás da acusação e prisão é perseguição religiosa contra um pastor da Convenção das Assembleias de Deus da CONAMAD, o qual teve o seu direito a liberdade de expressão e informação constitucional atacado pelo poder estatal.

O vídeo amador elaborado pelo Pr. Enoque e postado no YouTube teve o simples objetivo de mostrar imagens verdadeiras do próprio site oficial da seita da Unificação do reverendo Moon e as alianças que o Bispo Ferreira fez com o homem que se considera a própria encarnação de um novo messias.

Ferreira não se considera messias, mas goza hoje de uma influência enorme junto ao falso messias e junto também aos órgãos do governo federal, pois ele é o coordenador oficial da campanha de Dilma Rousseff para os evangélicos.

Ele é também o presidente da própria denominação onde o Pr. Enoque é pastor e, devido à elevada posição de Ferreira, tivemos informações de que pessoas locais estavam dizendo não mais conhecer o Pr. Enoque, possivelmente temerosas de represálias.

Portanto, a fim de dissipar dúvidas, informamos que o Pr. Enoque Vieira Lima é pastor do Evangelho desde 1994, com matrícula na CONAMAD de número 10924, Goiás, Campo 09-015-001 FAMA — SEDE (FAMA é o nome do bairro), congregação 09-015-001, congregando em sua igreja sede. O presidente da igreja sede é o Pr. Abigail Carlos de Almeida. O presidente da CONEMAD-GO é o Pr. Oídes José do Carmo.

O telefone da igreja é (62) 3211-1777. Ligue para lá e pergunte sobre o Pr. Enoque, a fim de mostrar, de forma educada, que você está preocupado com ele, ainda que neguem conhecê-lo.

O Pr. Enoque Lima é autor do livro A Invasão Oculta, da Editora Naós.

O que você pode fazer agora? Ore pelo Pr. Enoque e sua família. E copie e divulgue ao máximo os vídeos que estão neste artigo, antes que os amigos de Ferreira no governo venham caçar este blog.

Fonte: [ Julio Severo ]
Via: [ Blog Renato Jr ]

.

0 bereianos:

Postar um comentário