segunda-feira, 4 de novembro de 2013

O DESEJO PRECISA DO SEU CLAUSTRO



O DESEJO PRECISA DO SEU CLAUSTRO
por Juliana Ayres

"É bom ser livre, mas liberdade demais brocha. O desejo precisa do seu claustro"
- Nelson Rodrigues

Bobos aqueles que acham que serão felizes quando conseguirem tudo o que querem. Quando conseguirem, eles vão querer mais e o que já conseguiram perderá a graça.

Cristo nos ensina em seus evangelhos a sermos saciados de uma vez por todas bebendo da Água que sacia toda sede e assim seremos felizes e seremos saciados com aquilo que já conquistamos. Aí está a sabedoria: desejar o que se tem.

Dessa forma o marido amará sempre a sua esposa (e vice-versa), você encontrará prazer no carro que acabou de comprar e não sentirá inveja do vizinho que comprou um carro importado; comprar e fazer sexo desenfreadamente nunca serão objetos de saciamento pois sabem, no fundo, que isso não sacia a alma sedenta - Salomão pôde comprovar isso.

Ser saciado é ser grato pelo que se tem hoje e pela saúde para podermos conquistar mais quando o que temos quebrar, envelhecer ou não servir; não por motivo de egoísmo/inveja/capricho, mas por ser necessária a troca.

#GrandeDesafio nosso em uma época onde o egoísmo, a inveja e a libertinagem imperam.

0 bereianos:

Postar um comentário