terça-feira, 19 de janeiro de 2010

Se pode olhar, vê. Se podes ver, repara


Se pode olhar, vê. Se podes ver, repara

Se pode olhar, vê. Se podes ver, repara. por Eduardo Uzae.































Dos cinco sentidos, do ser humano, a visão é o mais apreciado. Há quem imagine como seria percorrer o curto trajeto que vai de casa a padaria mais próxima sem ver absolutamente nada. E também há quem o faça (pessoas que vendam os olhos e, em jeito de quem brinca à cabra cega, tentam percorrer o espaço que separa a cozinha da sala e o quarto da casa de banho). Tudo isto na casa que, à partida, se conhece tão bem como a palma da mão, mas que é difícil de entender às apalpadelas. 


Mt 6:22 - "A candeia do corpo são os olhos; de sorte que, se os teus olhos forem bons, todo teu corpo terá luz".


"Cegos que vêem, cegos, que, vendo, não vêem."


A verdade é que existem várias formas de olhar e os olhos nem sempre são o primeiro instrumento nesse processo.


Fotografia: AleMacedo
Tratamento: Eduardo Uzae - http://www.flickr.com/photos/eduardouzae 

0 bereianos:

Postar um comentário