segunda-feira, 2 de fevereiro de 2009

Chefão do tráfico é enterrado com hit gospel


01/02/2009 - 10:01 por Redação

Uma canção para Pitbull

Chefão do tráfico, morto pela polícia, é enterrado ao som do hit gospel 'Faz um milagre em mim'.

Cerca de 70 pessoas acompanharam, nesta sexta-feira, o enterro do traficante Leandro Monteiro Reis, o Pitbull, ex-chefão do comércio de drogas no Morro da Mangueira, região central do Rio de Janeiro. O sepultamento, no Cemitério São João Batista, no bairro de Botafogo, teve todas as características que já se tornaram comuns em situações do gênero – muito pranto, discursos acalorados em honra do morto e contra as ações da Polícia Militar nas comunidades e intimidações contra a imprensa. Com uma homenagem a mais: Pitbull desceu à sepultura ao som da canção evangélica "Faz um milagre em mim", entoada pelos presentes. Composta por Régis Danese, a música é considerada o maior hit gospel do momento e tem, entre seus versos, as frases "Eu preciso de ti, Senhor" e "Me ensina a ter santidade". Não há informações sobre a confissão religiosa de Pitbull.

Sobre o caixão, foi colocada uma bandeira com as iniciais da facção criminosa à qual o traficante era ligado. Policiais à paisana, infiltrados no cotejo, retiraram a bandeira, o que gerou fortes protestos e um início de conflito. Pitbull foi morto na quarta-feira, em confronto com policiais. No mesmo dia, traficantes concatenaram uma série de ações, como a incineração de três ônibus nas redondezas da Mangueira. O objetivo seria desviar a atenção da polícia para que o traficante, que estaria ferido, pudesse ser retirado da favela. A morte do bandido foi confirmada na mesma noite. Momentos depois, um grupo de 15 homens armados atacaram um prédio da Polícia Militar que abriga ainda uma creche da Prefeitura. A guarnição conseguiu impedir a invasão e houve intenso tiroteio, mas ninguém ficou ferido.

0 bereianos:

Postar um comentário