sexta-feira, 27 de junho de 2008

Até que enfim os Cristãos acordaram!

Até que enfim, mesmo!!! Mas para isso é necessário que alguém se levante, pq o povo cristão tem q estar sendo empurrado toda hora!

Cristãos como o Silas Malafaia são muito criticados por falarem a verdade, darem a cara pra bater. E, quando alguém tem uma personalidade assim, de alguém que não aguenta ver as coisas erradas e se manifesta, ou se dá mal ou se dá bem!!!! Pq quando as coisas explodem, muitos voltam atrás por pura covardia.
 
Glória a Deus que os crentes estão acordando e, mesmo assim, teve pouca gente lá, hein?!
 
Me identifico muito com ele, como pregador pois não o conheço no dia-a-dia, e sinto falta de profetas que não ficam calados, pq dos calados as igrejas estão cheias.
 
As coisas estão acontecendo em nossa sociedade e os líderes andam muito omissos!
 
Precisamos de mais defensores da fé e menos profetas calados!
 
Juliana Ayres.
 

Manifestação evangélica em Brasília contra PL 122

BLOG OLHAR CRISTÃO
Até que enfim os Cristãos acordaram!

Foto: Fábio Rodrigues Pozzebom
Photobucket

Foto: Fábio Rodrigues Pozzebom

Photobucket

Foto: Fábio Rodrigues Pozzebom
Photobucket

Foto: Fábio Rodrigues Pozzebom
Photobucket

Foto: Fábio Rodrigues Pozzebom
Photobucket

Foto Ed Ferreira
Photobucket

Foto Ed Ferreira
Photobucket

Foto Ed Ferreira
Photobucket

Foto Dida Sampaio
Photobucket

Foto Ricardo Marques
Photobucket
Senador Magno Malta-ES


Evangélicos protestam contra criminalização da homofobia

Agência Senado

"Brasília - O 4º secretário do Senado, Magno Malta (PR-ES) recebeu, nesta quarta-feira, na sala da Presidência da Casa, representantes da Frente Nacional Evangélica que foram ao Congresso protestar contra a aprovação do projeto de lei da Câmara (PLC 122/06) que torna crime a discriminação contra homossexuais.

Integrada por vários deputados federais, senadores e pastores de diversas igrejas evangélicas, a frente considera que, a pretexto de combater a homofobia, o PLC 122/06 fere a liberdade de manifestação religiosa e o direito à livre manifestação do pensamento. Isso porque criminalizaria "toda e qualquer manifestação contrária ao homossexualismo e às suas práticas, ferindo o direito constitucional que cada cidadão tem de, livremente, manifestar-se, expressar-se e opinar sobre qualquer tipo de conduta moral ou tema social".

Na opinião do pastor Fadi Faraj, do Ministério da Fé, o projeto suprime o direito à opinião do indivíduo e confere mais direitos a uns cidadãos do que a outros.

"Não se trata aqui da pessoa ter liberdade de ser o que gostaria de ser. Se ela quer ser homossexual, que seja; se quer se juntar com alguém, que se junte. Mas eu não preciso aceitar isso. Eu tenho minha opinião e não gostaria de ver meu filho recebendo educação que considero inadequada dentro de uma escola. Não gostaria de ver nossa liberdade constitucional violentada por eu ter que engolir algo em que eu não acredito", disse Fadi Faraj.

O PLC 122/06, já aprovado na Câmara dos Deputados, encontra-se em análise na Comissão de Direitos Humanos e Legislação Participativa (CDH) e na Comissão de Assuntos Sociais (CAS) do Senado.

Após o encontro com Magno Malta, os evangélicos se dirigiram ao Plenário e encaminharam à Mesa da Casa um manifesto contra a aprovação do PLC 122/06."

0 bereianos:

Postar um comentário