domingo, 15 de julho de 2007

«Cristãos patriotas» interrompem oração de hindú no Senado dos EUA

"Senhor Jesus, perdoe-nos, Pai, por permitir... abominação à Tua vista."

Ontem, três protestantes interromperam um clérigo hindú que seria o primeiro de sua religião a orar na abertura do Senado nos EUA.

Rajan Zed, diretor das relações com outras religiões no templo hindú em Reno, preparava-se para orar quando, claramente, uma voz alta partiu da galeria do Senado: "Senhor Jesus, perdoe-nos, Pai, por permitir a oração do ímpio, que é abominação aos teus olhos", disse um homem.

O líder do Senado pediu que os guardas restaurassem a ordem, mas Zed foi interrompido novamente.

"Não terás outros deuses diante de ti..."

Zed, que foi convidado pelo Senador democrata Harry Reid, finalmente iniciou sua oração.

Policiais prenderam os três protestantes. Um deles disse: "Somos cristãos e patriotas", antes que os policiais os algemassem e os removessem do local.

0 bereianos:

Postar um comentário